17
Dez 13

 

Após mais uma etapa sem sucesso urge restabelecer e reequilibrar.

Um novo ciclo teve ontem início, mas, até à data, não irei realizar qualquer inseminação artificial como tinha anunciado.

Ontem corri ao HSM, conforme dito pelos médicos e fui ver a disponibilidade para a realização desse tratamento neste ciclo menstrual.

O hospital continua sem capacidade para dar resposta às necessidades.

Apenas uma embrionista, a outra contínua de baixa médica, e sem agenda para os próximos tempos. Portanto, o médico limita-se a passar a medicação para estimular os ovários e o resto tem que ser feito em casa, caso queira. Disponibilizam a realização da ecografia, mas nada mais além disso.

E assim andamos, sem respostas, a controlar ansiedades que, por vezes, quase nos levam à loucura. É muito difícil resistir a isto tudo sem magoar aqueles que de mais próximo estão.

Entretanto tenho consulta marcada para o fim do mês numa clínica privada. Sinto-me a enlouquecer! 

publicado por resgates dificeis às 09:52

02
Dez 13

Como um balde de água fria.

Assim se vive em Portugal.

Hoje fui fazer a ecografia no HSM, pois tinha IA marcada para quarta-feira.

Comigo tudo bem, 2 folículos prontinhos, um em cada ovário num estado perfeito.

No entanto, parece que a embrionista ficou de baixa e tendo em conta que Um hospital daquela dimensão, à data, apenas dispõe de duas, a IA foi cancelada.

Então, andei a dar injeções para nada, andei a criar expectativas a tomar medicação para agora chegarem e dizerem que não podem fazer nada, que não têm mais pessoal, que terei que fazer da maneira tradicional. Mas isso é o que ando a fazer à cerca de dois anos.

E como ficam as pessoas com isto?

Acho que ainda não parei para absorver esta informação.

O médico aconselha a reclamar. Nem disso tenho vontade.

Nestes dias tenho vergonha de viver neste "belo" país que não faz nada por nós.

Enfim...

publicado por resgates dificeis às 13:16

22
Nov 13

Hoje marquei o meu primeiro tratamento.

Hoje marquei a primeira consulta e ecografia que antecedem a inseminação artificial.

Com um grande tremor por dentro, com um medo que congela, amanhã vou dar início aos tratamentos.

Uma injeção em 3 dias diferentes: 3º, 5º e 7º do ciclo que iniciou ontem.

O medo que sinto não é do tratamento, mas sim da desilusão que possa surgir.

A taxa de sucesso é das mais baixas.

Tenho medo, mas fico feliz por ter tido, até à data, um acompanhamento muito positivo do HSM.

Vamos gerindo este pântano de emoções em que mergulho.

Só quem passa pelas coisas é que sabe o que sinto. Infelizmente é assim, senão o acompanhamento seria certamente outro.

Como já aprendi com a vida, temos que ir gerindo da melhor maneira, sem desesperos nem histerismos, sem grandes alaridos nem ilusões.

Vivendo lentamente sem grandes expectativas.

Esperar pouco, mas sempre desejando o melhor e fazendo o que se pode.

Aqui vive-se assim!

publicado por resgates dificeis às 10:28

21
Nov 13

 

A felicidade não é um caminho.

Não chegamos à felicidade e estacionamentos o carro e tiramos lá um dia de férias – Agora vou descansar, vou ser feliz por uns dias, estou cansado da rotina, estou mesmo a precisar. Não, não é assim.

Agora vou ser feliz uns dias, depois volto à rotina da infelicidade diária. Não, não é assim.

A felicidade é como um tio afastado que nos visita inesperadamente.

De repente, quando menos esperamos, vai embora e voltamos aos dias de turbulência.

Aguardamos ansiosamente pela próxima visita, fazemos o que podemos para que seja o mais rapidamente, às vezes conseguimos um telefonema, um dia bem passado, conseguimos ir visitá-lo quase diariamente, mas subitamente desaparece e volta tudo ao mesmo.

Volta tio, estás perdoado!

publicado por resgates dificeis às 09:17

31
Out 13

 A espera continua.

Após a consulta na MAC e no HSM a espera não terminou.

Enquanto na MAC mandaram o marido repetir o exame por apresentar valores abaixo do normal (volume e morfologia), no HSM todos os exames, meus e dele, revelaram valores normais (histerosalpingografia e espermograma). Na MAC foi nos dito que, a confirmarem-se os valores a única hipótese é FIV (lista de espera de 16 meses), enquanto que no HSM, após inscrição na lista de espera (ronda um ano e meio) para esse tipo de tratamentos mais complexos, o Dr. Calhaz Jorge decidiu avançar já no próximo mês com o método mais simples - inseminação artificial, visto considerar que está tudo bem connosco.

Assim, a primeira tentativa será, se deus quiser, já no próximo ciclo menstrual. Escusado será dizer a ansiedade que me domina neste momento, a ânsia que chegue finalmente algum tipo de tratamento. Quero avançar rapidamente. Quero tanto! Tanto!

publicado por resgates dificeis às 10:10

27
Set 13

Após exames, histerosalpingografias, e outros aguardo consulta.

A espera desespera mesmo.

Aguardo impacientemente, desesperadamente por respostas que não consigo encontrar.

A ver vamos.

Espero.

publicado por resgates dificeis às 10:15

21
Ago 13

 

Têm sido tempos conturbados, difíceis mesmo, a cabeça a mil, afinal gerir frustrações é tão, tão difícil!

As discussões em casa mais que muitas, a minha explosão constante, desesperamos às vezes até. Difíceis os nossos dias, amor!

Eu sei!

Tenho sofrido muito! Acredita!

Nunca pensei que fosse tudo tão destruidor, acredita!

A consulta com a psicóloga na MAC foi complicada! É difícil ouvir tudo o que sentes expresso de forma tão clara e direta. As tuas dúvidas e receios por ti descritos magoaram-me muito!

Pedi-te para pensar se querias continuar. Fiz o mesmo.

E o aperto no peito que não passa! Pensei muito, ainda penso muito em nós, meu amor.

O ar falta de pensar em te perder. Não quero! Quero-te comigo! És o meu homem, ouviste?

A dor, por vezes, é tão forte que tenho que gritar, bem sei que te levo à frente da tempestade de emoções, mas o que sinto quando não estou perto de ti fez-me hoje mudar.

Quero mudar sim. Quero que juntos mudemos.

Quero partilhar tudo contigo, o mau, mas muito mais o bom.

Quero partilhar contigo tanta e tanta coisa que sinto que não tenho conseguido fazê-lo há muito tempo. Sim, culpa dos dois, claro!

Hoje e agora olho e vejo. Vejo que te quero comigo para viver com tudo o que a vida tem para nos dar, sem medo de dar muito, sem receio de demostrar o amor. Ele existe, tem que ser ampliado. Bolas, por que é tão difícil? Tão fácil sofrer e tão difícil amar, porquê?

Quero que saibas, quero que oiças que gosto de ti, que não tenhas nunca dúvidas que te admiro, que te sinto em tudo o que faço.

Quero que sejas realmente meu!

Quero que me faças realmente tua!

Vamos viver! É um convite, quero que aceites!

publicado por resgates dificeis às 12:22

24
Jul 13

 

A minha ausência deste blog deve-se apenas a uma fase louca que  tem passado na minha vida.

Após consultas na MAC, no Sta. Maria, após o choque de entrar num sistema público, desumano, desajustado e lotado, é difícil ter força para passar pelas várias etapas.

Exames, mais exames, e se da minha parte consigo ter a força e a vontade suficientes para seguir em frente com o batalhão de exames que nos pedem, para o homem, é mais complicado.

A cabeça deles não é formatada para as dificuldades que se têm que passar com algum sangue frio, e talvez também, a vontade deles não seja igual à nossa afinal o instinto é maternal e não paternal.

Enfim, não foi ao exame marcado, resumindo. Fiquei furiosa, quase doente, o que me fez sentir completamente bloqueada por esse assunto. Decisões, decidi ter mais calma, tentar relaxar mais, tentar dar algum romantismo a isto tudo, o que é difícil quando uma situações destas acontece. É muito duro querer uma coisa com tanta vontade e não depender apenas da nossa vontade.

Ao longo da vida os meus pais ensinaram-me que se me esforçar e for bem comportada terei resultados, se estudasse teria boas notas, se fosse bem educada seria respeitada, teria amigos, seria feliz. Essa parte até foi fácil com muitos fins-de-semana perdidos a estudar, com muitas horas na escola a trabalhar, com muitos amigos, mas e o resto? Quando nos falta aquela parte que de nós pouco ou nada depende? Quando se pensa que quando chegar a pessoa certa aquele passo será fácil e óbvio como se lida com a frustração?

A frustração, é dura e seca, revolta.

E não fossem tantas e tantas as noites que ainda acordo a pensar nisto tudo e me dá vontade de partir tudo. E ele? Ele dorme, não sente, afinal, o instinto maternal é meu não dele!

Diz que quer mas não com a minha intensidade! Até ai já tinha percebido, mas e se ajudasses um pouco hã?

Agora chegam as férias. Tempo para pensar e limpar a cabeça. Setembro será outra coisa. Agosto tenho um exame marcado, não vou faltar, setembro tem ele. Vamos ver. O futuro é incerto, as lutas nem sempre trazem glória, mas alguns caminhos têm que ser percorridos até ao fim, mesmo que por vezes nos troquem as voltas. Vamos ver.

A fé não me falta. Vou acreditando. Penso também na luta que uma amiga trava contra uma doença implacável. Tento relativizar, claro! A vida é dura! Que se dê muito valor!

publicado por resgates dificeis às 08:33

28
Jun 13

 

Após ter sido chamada para a primeira consulta na MAC saímos de lá com uma tonelada de exames para fazer.

Atendimento rápido, pessoal simpático, tudo o que é necessário para uma fase destas que tanto exige de nós.

Gostei de ter voltado ao lugar onde nasci, desta vez por motivos menos felizes, mas que me deram esperança de que este processo não leve muito tempo.

A ver vamos. Por agora fazem-se os exames necessários, entretanto, aguarda-se a consulta em Sta. Maria que será muito em breve. Não sei ainda qual o caminho que irei escolher, tentar que seja o mais rápido e melhor.

Vamos ver.

Quero tanto!!!

publicado por resgates dificeis às 10:51

18
Jun 13

Depois de uns dias de férias o regresso à realidade é difícil.

Depois de constatar que quase todas as raparigas que conheço estão grávidas a realidade torna-se chata. Como se o tempo escorresse por entre os dedos.

E é tão insuportável!

Enfim!

publicado por resgates dificeis às 11:48

Julho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO